Pocahontas 

01-06-2018

Era uma vez... uma índia chamada Pocahontas que pertencia à tribo dos Powhatans, na Virginia, no Continente Norte-Americano. Pocahontas era uma menina bastante meiga, mas muito independente e rebelde, uma verdadeira dor de cabeça para o seu pai, o Chefe Powhatan. Na tribo índia e em todo o Continente, vivem-se tempos conturbados, devido à invasão dos colonos ingleses, que se estava a apoderar dos terrenos dos Powhatan. Um dia, vários colonos foram capturados pelos índios e o Grande Chefe Powhatan sentenciou-os à morte. Seriam executados na lua seguinte. No momento exato da execução, Pocahontas interrompe a cerimónia e implora a seu pai que não cometa a barbárie, segundo ela, a violência apenas ia gerar mais ódio e mais violência. O Chefe Powhatan acedeu ao pedido da filha.

Entre os colonos sentenciados à pena capital estava John Smith que, depois de ver a sua vida poupada, jura amizade eterna aos índios e, em especial a Pocahontas. Desta amizade irá surgir uma intensa história de amor, que irá esbarrar no preconceito racial entre dois povos com motivações distintas.

Local: Teatro Municipal de Faro

Duração: 80 minutos
Classificação etária: maiores de 3 anos
Preços: 12,50€

Ficha Técnica: Marta Faial, Quimbé, João Correia, Leandro Pires, João Vilas, Mário Pais, Débbie Monteiro, Fernando Oliveira Yannick Pinto, Mara Alves, Luís Simões, Cristina Pereira, Carolina Furtado