Estimular o desenvolvimento de linguagem em casa - Dicas para pais

01-10-2018

Os momentos em família são sempre muito positivos para as aprendizagens. As crianças estão no seu contexto, com as pessoas que lhes são mais próximas e, por isso mesmo, a motivação para aprender é maior.Por esta razão, as interrupções letivas podem ser alturas de grandes aprendizagens. Mas como promovê-las?

Independentemente de a criança ter ou não algum tipo de dificuldade, a estimulação das competências de linguagem deve acontecer de forma natural e transversal entre os contextos.

Várias atividades e brincadeiras podem ser promovidas na rotina do dia-a- dia, de forma aestimular o desenvolvimento de linguagem. Deixamos algumas dicas para promover a estimulação de linguagem em casa.

Ler um livro

Os livros são um recurso fantástico para que a criança comece a ganhar interesse e motivação para a leitura. Ao contar uma história à criança, podemos ir questionando sobre as imagens que vão aparecendo a cada página, pedir à criança para apontar nas imagens alguns dos itens sobre os quais fala a história. Pode mesmo pedir à criança que, no final, conte agora a história a outro familiar, apoiando-a nesta tarefa.

Conversar

Conversar sobre o passeio que deram, os produtos que compram no supermercado, conversar sobre os desenhos animados que estão a ver na televisão, conversar sobre o que gostaria de fazer durante no fim-de- semana. Conversar sobre tudo um pouco. Criar situações que induzam respostas mais complexas por parte da criança e não apenas questões fechadas de resposta sim/não. Desta forma, para além de criar situações que estimulam a criança a desenvolver o seu discurso, encoraja-a a expressar as suas ideias e motivações.

Divertir-se

As crianças aprendem mais facilmente quando as experiências e atividades são divertidas e motivadoras. Tendo por base os interesses e gosto de cada criança, fazer atividades escolhidas pela criança poderá ajudar a que sejam feitas aquisições de forma mais rápida. Dentro das atividades que possam ser de maior interesse para a criança, tal como ir ao parque, ir ver uma exposição de dinossauros, ir comer um gelado, aproveite sempre para explorar as atividades, conversar sobre o que mais gostou, comentar o que vão encontrando pelo caminho e deixar que a aquisição de novos conceitos surja de forma natural em cada momento.

Autoria: Ana Margarida Costa - Terapeuta da Fala - speechcare.pt