A todas as mães…


Este mês celebra-se a maternidade. Enquanto mães, profissionais e donas de casa, competem-nos árduas tarefas, sem fim...

Por vezes, torna-se muito difícil gerir todos estes papéis e corresponder às exigências.

Ter um dia preenchido com trabalho, ir buscar os filhos, ter de preparar refeições, cuidar das crianças e tratar de outras lides domésticas e/ou laborais, que impedem o dia de terminar e ter o merecido descanso, é esta a realidade de milhares de famílias.

As mães são ótimas a executar várias coisas ao mesmo tempo... e sim, é possível tratar de tarefas de casa, dar atenção às crianças, e ainda ajudá-las a potenciar a sua linguagem.

Assim, deixamos algumas sugestões, porque qualquer momento do dia ou tarefa rotineira são pretexto para propiciar bons momentos de comunicação com os filhos:

  • Enquanto prepara uma refeição, pode recrutar a atenção da criança para partilhar a tarefa consigo, explicar-lhe o que vai fazer, que ingredientes e objectos vai usar, fazer-lhe pedidos e vivenciar um bom momento. Explore nomes de alimentos (frutas, vegetais,...) utensílios de cozinha, verbos e muitas outras palavras importantes, ora veja: "hoje a mamã vai fazer sopa de feijão verde. Vamos precisar de cebola, cenoura, alho, courgette,... vamos descascar todos primeiro e cortar em bocadinhos com uma faca para a panela..." . Pode aproveitar para ir pedindo à criança para lhe dar os legumes, ajudar a colocar as cascas no caixote do lixo. Atendendo à idade da criança, pode aproveitar para lhe pedir para pôr a mesa, e, gradualmente, questioná-lo sobre onde estão as coisas;
  • Durante o banho do seu filho, aproveite para descrever cada acção que faz com ele, "vamos despir a roupa. Primeiro tiramos a tua camisola, puxamos a manga do braço direito e depois do braço esquerdo... agora desapertamos o botão das calças que estão muito sujas", recorrendo a um vocabulário diversificado, para que a criança reconheça cada vez mais e mais palavras;
  • Geralmente, as crianças gostam de cantar, se esse momento, for partilhado com os pais, mais felizes se sentem. Aproveite para cantar as canções que ele aprende na escola e ensinar-lhe outras, que goste;
  • Antes de dormir, podem partilhar a leitura de um livro. No final, se ainda "houver tempo", questione a criança sobre a história, peça-lhe para ser ela a recontar, dizer o que gostou mais, procure saber a sua opinião.

Idealmente, deverá fazer tudo com alguma calma, ... dizendo cada expressão associada ao movimento (no caso de acções) ou aos objectos, para que o seu filho possa ir absorvendo a informação e se familiarizar com a representação de cada palavra! Podem perceber pouco, mas a verdade é que, repetidamente ouvido, aquele vocabulário começa a criar memórias nos seus pequenos cérebros, cada vez mais ávidos de linguagem, de palavras, de pessoas e de novidades!

Porque uma mãe é um ser...

A todas as mães...

Maravilhoso, com tanto amor e carinho para dar

Ãnda sempre atenta aos seus filhos

E consegue superar-se diariamente.